Assaltantes levam carros, dinheiro e produtos de posto
Matéria via Diário do Sul / Postado dia 13-01-2018

Um posto de combustíveis localizado no bairro Monte Castelo, em Tubarão, foi alvo de assalto no começo da madrugada de ontem, por volta de meia-noite. Cinco homens armados e encapuzados chegaram a pé ao estabelecimento e praticaram o crime. Eles fugiram levando dois carros, dinheiro, produtos e pertences das vítimas.

Segundo a Polícia Militar (PM), um dos veículos levados pelos bandidos foi uma Toyota Hilux, na qual estavam guardados cerca de R$ 15 mil. O carro foi encontrado pouco depois pelos policiais abandonado próximo à Estrada Geral do Sertão dos Corrêas. Por sorte, a quantia em dinheiro também foi recuperada.

Além da Toyota Hilux, os criminosos também levaram um Renault Logan prata. Os assaltantes levaram ainda uma quantia em dinheiro não divulgada, do próprio posto, além de refrigerantes e salgados. Os bandidos não foram localizados.



Veja Também
Alternativas para o Paço são pensadas
Tubarão busca primeira vitória na Liga Futsal
Suspeitos de roubo de carros de luxo são presos

Uma quadrilha suspeita de estar envolvida em roubo de caminhonetes de luxo em cidades da região Sul, entre elas Tubarão, foi presa ontem. 

A prisão aconteceu em Criciúma, através da Divisão de Investigação Criminal (DIC). Ao todo, quatro pessoas foram presas durante operação. 

Conforme o delegado responsável pelo caso, Yuri Miqueluzzi, o quarteto, que faz psrte do grupo especializado em roubos de caminhonetes de luxo, vinha sendo investigado desde novembro do ano passado. A prisão aconteceu na manhã de ontem, quando foram cumpridas uma dezena de buscas em diversos bairros, em ação conjunta das Divisões de Roubos e de Homicídios.

Ao todo, mais de 50 policiais civis da região Sul participaram da operação policial. A região de Criciúma e seu entorno vinham sendo alvos reiterados de roubos de caminhonetes e outros veículos de luxo. Segundo o delegado, o grupo vinha atuando com planejamento e organização, com uso de armas de fogo e veículos de apoio.

Em razão das buscas, outros materiais foram apreendidos para auxiliar nas investigações. “Com as prisões e posterior encerramento das investigações, há uma tendência de diminuição destes delitos”, informa o delegado, e completa que não foi possível ainda precisar quantos roubos aconteceram em Tubarão.

Artilheiro Magno Alves é apresentado