Quatro cidades encerram cadastramento biométrico na quinta-feira
Matéria via G1 SC / Postado dia 06-12-2017

prazo para revisão do eleitorado com cadastramento biométrico obrigatório termina nesta quinta-feira (7) em Balneário PiçarrasCorupáJaraguá do Sul e Penha. Os eleitores devem agendar atendimento pelo site do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina (TRE-SC) e ir ao local indicado com documento de identificação com foto, comprovante de residência recente e comprovante de alistamento militar, para homens maiores de 18 anos e que vão fazer o primeiro título.

Conforme o TRE-SC, até terça-feira (5) Balneário Piçarras tinha 55,58% de comparecimento dos eleitores, Corupá tinha 86,54%, Jaraguá do Sul tinha 75,99% e, Penha, 54,85%.

Para Balneário CamboriúBotuveráBrusqueCamboriúGuabiruba e Itajaí tiveram o prazo ampliado para revisão do eleitorado com cadastramento biométrico obrigatório para 15 de dezembro, por causa da baixa procura no início do processo e pelo fato de esses municípios terem grande número de eleitores.

A orientação do TRE-SC é que o eleitor que não comparecer até o prazo de término da revisão agende o atendimento também pelo site da instituição o mais rapidamente possível para regularizar, sem cobrança de multa e sem prejuízos, a situação eleitoral.




     


Veja Também
Argel chega ao Criciúma confiante com o grupo
Estagiária salva mulher atacada por abelhas

A estagiária Nayara Torres Tramontin, lotada no cartório da 2ª Vara Cível da comarca de Tubarão, praticou um ato de heroísmo na tarde de quinta-feira após salvar uma mulher que sofria um ataque de abelhas na área no entorno do Fórum da cidade. A vítima levava a sobrinha para a escola, em um carrinho de bebê, quando a movimentação de trabalhadores que limpavam um terreno baldio, nas proximidades, alvoroçou uma colmeia. Os insetos, em enxame, passaram a atacar as pessoas.

Um dos operários conseguiu tirar a criança do carrinho e trancou-se com ela na cabine do caminhão que utilizavam. A mulher não teve a mesma sorte e sofria o ataque das abelhas quando a estagiária correu até ela e conseguiu trazê-la para o interior do Fórum. Lá, outro servidor, com curso de primeiros socorros, prestou atendimento até que o Samu fosse acionado.

A mulher levou em torno de 30 picadas na cabeça e nos braços e precisou ser levada para um tratamento especializado em um hospital da região. Ficou o restante do dia em observação, foi medicada e, posteriormente, liberada.

Carreta Cinema estará em Laguna
Peixe e Leão duelam neste domingo