Quatro ficam feridos após capotamento na BR-101
Matéria via Diário do Sul / Postado dia 14-11-2017

Em acidente registrado em Sangão, quatro pessoas ficaram feridas. De acordo com os Bombeiros Voluntários de Jaguaruna, houve um capotamento de um Nissan Tiida, com placas de Içara. No carro estavam quatro pessoas. Um dos envolvidos foi encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital São José, de Criciúma.

Os demais foram levados pelo Corpo de Bombeiros Voluntários ao Hospital de Caridade de Jaguaruna. O acidente ocorreu nas proximidades do viaduto de acesso a Sangão. Nenhuma das vítimas corria risco de morte. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Tubarão também esteve no local da ocorrência, registrada no sábado.



Veja Também
Peixe terá duelo difícil na estreia em casa
Ladrões queimam casa após furto
Homicídio é investigado após identificação de corpo
Pais recebem orientação sobre desaparecimento

Crianças que estiverem no litoral da região, durante este final de semana, receberão pulseira de identificação e folders com dicas de prevenção sobre desaparecimento. A campanha está na segunda edição e chega neste sábado e domingo às praias de Laguna, Jaguaruna e Garopaba. Este trabalho de orientação e divulgação segue até o final da Operação Veraneio.
Uma delegacia móvel também foi disponibilizada para atender o projeto. O veículo está presente nos locais de maior fluxo de turistas e banhistas, nas sextas-feiras, sábados e domingos, cada dia em uma cidade diferente. O objetivo é alertar os pais ou responsáveis para redobrar a vigilância com seus filhos na praia, onde o índice de crianças perdidas e desaparecidas aumenta nesta época do ano.
A polícia alerta que para evitar casos de desaparecimento é preciso seguir algumas orientações, entre as quais ensinar a criança seu nome completo, nome dos seus responsáveis, seu endereço, telefone e referências. Caso a criança tenha dificuldades para memorizar, utilizar pulseiras de identificação com o nome dos pais e telefone é uma alternativa.
Além disso, outra orientação é evitar lugares muito lotados; em locais com piscinas, redobrar os cuidados. E, por fim, em caso de se perder da criança, procurar rapidamente um agente público devidamente identificado.