Apesar de citada em estudo sobre maré alta, Tubarão não possui dados que confirmem tal possibilidade
Matéria via https://www.tubarao.sc.gov.br/ / Postado dia 21-11-2019

A Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil de Tubarão recebeu com surpresa a inclusão do município em um estudo realizado pela Climate Central, uma Organização Não-Governamental composta por pesquisadores e jornalistas de todo o mundo que estudam as mudanças climáticas, e que foi divulgado na revista científica Nature Communications, e divulgada no estado pela imprensa.

 

Neste estudo, além de Tubarão, foram citadas regiões de Joinville e Tijucas como locais que poderiam sofrer com inundações resultantes da alta do nível do mar em virtude do aquecimento global. Para chegar a tal conclusão, foi utilizada uma inteligência artificial para atualizar as informações de satélites da Nasa, cruzadas com projeções do aumento do nível do mar. “O estudo de fato existe, mas eles são, até o momento, inconclusivos, uma vez que não sabemos de onde foram tirados estes dados, principalmente na parte que se refere às cotas do município, uma vez que não foram explicados os parâmetros que são usados pela inteligência artificial que realizou o estudo”, analisa o gestor-coordenador da Defesa Civil de Tubarão, Murilo Damian Ribeiro.

 

De qualquer forma, Tubarão possui um plano de contingência para situações desta natureza (acesse aqui), onde constam todas as medidas referentes a casos de inundação, como as estruturas para abrigo, rotas de fuga, logística e telefones de emergência. “Vamos continuar, de qualquer forma, acompanhando os desdobramentos deste estudo, mas gostaria de deixar claro que o município está preparado sim para, em caso de inundação, realizar o enfrentamento”, esclarece Murilo.



Veja Também
Vara Federal absolve ex-presidentes por crime de organização criminosa

A Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil de Tubarão recebeu com surpresa a inclusão do município em um estudo realizado pela Climate Central, uma Organização Não-Governamental composta por pesquisadores e jornalistas de todo o mundo que estudam as mudanças climáticas, e que foi divulgado na revista científica Nature Communications, e divulgada no estado pela imprensa.

 

leia mais ...

Athletico-PR vence com gol do argentino Marco Ruben

A Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil de Tubarão recebeu com surpresa a inclusão do município em um estudo realizado pela Climate Central, uma Organização Não-Governamental composta por pesquisadores e jornalistas de todo o mundo que estudam as mudanças climáticas, e que foi divulgado na revista científica Nature Communications, e divulgada no estado pela imprensa.

 

leia mais ...

Apostador de São Gonçalo acerta seis dezenas da Mega-Sena
Câmara aprova pacote anticrime; texto vai ao Senado